Spam X E-mail Marketing: Saiba como diferenciar

Por  |  13/10/2010  |  4 comentários »

Spam x E-mail marketingFrequentemente na Mais Empresas atendo clientes que desejam fazer um “e-mail marketing” para divulgar suas empresas, eles me ligam perguntando quantos e-mails temos disponíveis e quanto custa um disparo. Talvez por falta de informação não entendam o que realmente é um “e-mail marketing”.

Então a primeira coisa que devemos saber é diferenciar o que é e-mail marketing e o que é Spam.

Por mais que isso seja relativo para muitas pessoas devemos tomar como base o Comitê Gestor da Internet no Brasil, (CGI.br) que é órgão que regula a internet no Brasil:

Para o CGI.br, Spam é o termo usado para referir-se aos e-mails não solicitados, que geralmente são enviados para um grande número de pessoas. Quando o conteúdo é exclusivamente comercial, esse tipo de mensagem é chamada de UCE (do inglês Unsolicited Commercial E-mail).

Ou seja, se você compra uma lista de e-mails de alguém, e envia e-mails afim de informar sobre seus produtos, serviços e promoções você está sim fazendo SPAM ou (Unsolicited Commercial E-mail).

E isto não é a a minha opinião pessoal, quem está dizendo são os órgãos compententes.

Vamos ver abaixo o que mais a o CGI.BR recomenda.

Retirado do site Antispam.br.

Como não se tornar um spammer

Muitas pessoas, mesmo sem perceber, em algum momento já enviaram uma corrente da sorte, uma lenda urbana ou algo parecido. Para não se tornar um spammer, mesmo entre amigos, é importante respeitar as seguintes dicas:

  • Siga as normas da etiqueta na internet (Netiqueta). É recomendado, por exemplo, sempre preencher o campo do assunto com uma descrição significativa do conteúdo do e-mail. Dessa forma, o destinatário terá a opção de não abri-lo, caso não seja de seu interesse.
  • Procure informações a respeito dos diversos e-mails que receber. Muitos usuários, por desconhecimento, reiniciam a propagação de lendas urbanas ou boatos.
  • Antes de enviar um e-mail, reflita se o conteúdo será útil ou de interesse do grupo para o qual pretende remetê-lo.
  • Procure refletir antes de repassar e-mails suspeitos, tais como: boatos, lendas urbanas e até mesmo, golpes. Na dúvida, não envie.
  • Respeite o propósito e o formato das listas de discussão e demais fóruns na rede.
  • Não use listas de mala direta ou particulares de amigos de terceiros para enviar propaganda ou quaisquer divulgações pessoais.
  • Se decidir fazer marketing de sua empresa ou negócios na Internet, informe-se antes sobre as melhores práticas para este fim.

Como fazer marketing por e-mail, sem fazer spam

Fazer marketing pela Internet sem provocar spam, requer o uso de boas práticas. A seguir, algumas das quais podem evitar a propagação de e-mails não solicitados.

  • Enviar e-mails somente para os clientes que optaram pelo cadastro na lista de divulgação de seus produtos e/ou serviços. Tal cadastro pode ter sido feito por telefone, na hora do primeiro contato comercial ou por formulário disponível no site da empresa na Internet.
  • Não usar listas de divulgação de terceiros, nem comprá-las de fornecedores de mala direta.
  • Não reutilizar listas de divulgação, ou seja, não enviar informações de determinado serviço aos clientes cadastrados na lista de divulgação de outro serviço, ainda que sejam da mesma empresa.
  • Respeitar as opções do cliente no preenchimento de formulários de cadastramento em listas de divulgação, por escrito ou on-line.
  • Respeitar as solicitações de descadastramento de suas listas.
  • Não iniciar o primeiro contato com o cliente por e-mail, ou seja, o envio do primeiro e-mail, sem prévia autorização do cliente, caracteriza a prática de spam.

E o que é e-mail marketing então?

Agora fica fácil de responder. O e-mail marketing é quando o cliente entrou no seu site e cadastrou-se por livre e espontânea vontade, demonstrando interesse pelo seu produto ou serviço gerando uma lista de e-mails de pessoas que serão realmente prospects dos seus produtos.

E como devo fazer então?

1 – Crie um site para vender seus produtos ou serviços.

2 – Faça com que seu site fique tão interessante ao cliente que ele queira receber novidades sobre o que você venda. Acredite isso é possível.

3 – Dê algo em troca, (é dando que se recebe), deixe tudo disponível aos internautas e não se importe que o seu concorrente também vá ver, de um jeito ou de outro ele conseguirá copiar seu conteúdo. E se o fizer, melhor, pois o Google vai te premiar por isso.

4 – Divulgue seu site, utilize redes sociais como Orkut, Twitter, Facebook.

As pessoas geralmente falam, “mas isso vai demorar muito”, pois é demora um pouco mais, porém esse relacionamento será criado de modo transparente e poderá ser mais duradouro.

Agora caso você deseje ter um resultado imediato com sua campanha na web, utilize seu investimento em links patrocinados do Google, Yahoo Bing, Buscapé, etc, pois as pessoas quando buscam, já dão sinais do que eles querem comprar e o seu investimento vai gerar muito mais retorno.

Sucesso a todos!

4 comentários:

  • Aline em 18/03/2011:

    Bom dia.

    Trabalho com a divulgação da empresa.
    E o meu maior meio de fazer o mesmo é enviando e-mail.
    Só que os e-mail tem caido na caixa de spam.
    E outros mesmo sendo anexado algo o cliente não recebe nada!
    Gostaria de saber como isso pode ser solucionado.

  • Mais Empresas em 28/03/2011:

    Para melhor utilizar um serviço de email marketing e evitar que seus emails sejam detectados como SPAM, sugerimos alguns pontos:

    * use remetentes de domínios próprios, o que permite configurar o SPF, assim você informa aos servidores de destino dos seus emails que os servidores do TeContato podem enviar emails pelo seu domínio

    * formate seu email para email marketing
    – inclua texto no seu email, não apenas imagens. Um dos filtros com um grande peso verifica se seu email contém uma quantidade razoável de textos.

    * teste o HTML antes de enviar, enviando para um email seu

    * se sua ferramenta de email marketing tiver um testador de SPAM, sempre teste. Geralmente é usado o próprio software que os servidores de email utilizam para testar se o email é SPAM, assim você saberá como seu email é visto pelos filtros antispam

    * não utilize listas compradas, você vai irritar seu consumidor e terá um retorno menor. Se tiver poucos emails cadastrados em sua base, faça promoções, por exemplo, e solicite um cadastro e autorização para envio de emails.

    * as ferramentas de email marketing costumam remover emails que não existem após envios sem sucesso, assim sua lista fica menor e os servidores irão aceitar mais seus emails. E você economiza :-)

  • Alexandre em 15/06/2011:

    Bom dia. Por fvr, Recebo uma infinidade de emails com propagandas em inglês e eles são repassados automaticamente para meus contatos sem que eu tome nenhuma ação. Como posso eliminar isso ?? Meu provedor é HOTMAIL. Isso está me causando sérios problemas. Obrigado.

  • Luis Mosko em 15/06/2011:

    Olá Alexnadre,

    Spam realmente é um problema que atrpalha a todos.
    O que você pode fazer é ir marcando como Spam essas mensagens indesejadas, pois os filtros de spam, vão aprendendo o que essas menssagens são spam.

    Além disso não tem muito o que fazer.

    Att.
    Luis Mosko

Deixe seu comentário:

*